Morar no Canadá

morar no canadáMuitos brasileiros, pelo menos uma vez na vida, já pensaram em morar no Canadá. Afinal, é um país que tem tradição em imigração e que ostenta um padrão de vida bastante elevado. A comunidade de brasileiros que moram por lá bem grande. E motivos não faltam: o Canadá é um dos países mais desenvolvidos do mundo, valoriza a arte e cultura e remunera muito bem os seus profissionais.

Se você é uma pessoa que está considerando (ou já decidiu) ir morar no Canadá, a Wizard Curitiba preparou um artigo com ótimas dicas para você comprar um passagem só de ida para esse lindo país da América do Norte.

Tipos de visto

Para simplificar um pouco, podemos dizer que existem três tipos principais de vistos: o visto para turistas, o visto para estudantes e o visto para trabalhadores. Dessa forma, antes de planejar toda a viagem, você precisa saber exatamente qual é seu objetivo com a imigração, pois cada visto tem uma regra.

• Visto para turistas: tem duração de até 6 meses seguidos e pode ser usado para quem vai fazer cursos rápidos, com pequena duração.

• Visto para estudante: se o seu plano é fazer um curso mais longo, como uma pós-graduação por exemplo, você deve pegar o visto para estudante que concede mais de 6 meses de permanência.

• Visto para trabalhador: e para quem vai trabalhar e pretende passar bastante tempo no Canadá ou até mesmo construir uma vida no país.

Direitos para imigrantes

Dependendo da província do Canadá, é possível matricular os filhos na rede pública de ensino (que é muito boa, por sinal) e também usar os serviços públicos de saúde (que são ótimos). Mas, antes consulte a legislação de cada província.

População do Canadá

Não custa avisar que você estará indo morar em um país que tem uma cultura completamente diferente da brasileira. E você vai conviver grande parte do seu dia com elas. Os canadenses são muito mais reservados, em geral falam pouco e não gostam de expor sua vida pessoal. Mas isso não impede de serem pessoas completamente prestativas e solícitas.

Como você pode perceber, esse processo não é tão complicado assim. Você já teve alguma experiência no Canadá? Então conta pra gente aqui nos comentários.