O que são línguas mortas?

línguas mortasLínguas mortas. O nome já uma dica, provavelmente são línguas que não existem mais. Mas também existem as línguas extintas. Então, qual é a diferença entre elas? As línguas mortas são aquelas que já tiveram protagonismo em alguma cultura, mas que, por algum motivo, caíram no desuso. É a mesma coisa com a língua extinta, com apenas uma diferença: a língua extinta não deixa registros sobre sua existência e, por isso, é muito mais difícil de ser estudada.

Como uma língua pode morrer?

Existem maneiras diferentes disso acontecer. A Wizard Curitiba vai apresentar algumas situações em que uma língua “vem a óbito”.

  • Gradual: quando um povo naturalmente vai abandonando o uso do idioma e substituindo por outra língua.
  • Morte ascendente: quando um pequeno número de pessoas deixa falar e a sociedade acompanha esse movimento.
  • Morte descendente: quando um governo adota uma nova língua e os cidadãos são forçados a falar o novo idioma.
  • Morte súbita: quando o fim da língua acontece por catástrofes, guerras ou extermínio de um povo.

Exemplo de línguas que já morreram

O exemplo mais emblemático da morte de uma língua aconteceu com o latim, que foi base para idiomas como o italiano, o espanhol, francês, catalão e romeno. No século XIV, o latim era um idioma culto, muito valorizado na literatura. Então Dante Alighieri lançou um dos livros mais importantes da nossa cultura (A Divina Comédia) em italiano, que era visto como uma língua plebeia. O livro teve um enorme sucesso e o “idioma do povo” passou a representar a visão ocidental maniqueísta, que separa o bem e do mal; e decretou a morte do idioma da elite, o latim.

Mais alguns exemplos de línguas que já morreram:

Anglo-saxão: é a versão arcaica do inglês e que foi utilizado até meados do século XII. Os livros de William Shakespeare são considerados o marco do inglês moderno.

Antigo egípcio: essa língua teve mais de quatro mil anos de história, sendo utilizada desde 4000 a.C. até 390 d.C. Para se ter uma ideia, a forma de escrita dessa língua eram os hieróglifos.

Aramaico: grande parte da bíblia foi escrita em aramaico, uma língua muito influente no Oriente Médio. Hoje em dia, existem falantes de uma versão mais moderna, mas que também está perto de morrer.

E você, conhece mais alguma morta? Então conta aqui pra gente nos comentários.