Halloween – Curiosidades sobre a data

Antes de explicar como surgiu o nome Halloween – sim, ele tem um significado muito legal – vamos mostrar uma relação muito interessante que essa festa tem com o Carnaval (Mardi Gras, nos Estados Unidos). Trata-se de uma relação de valorizar os opostos do mundo.

O carnaval acontece na véspera de uma data importante, o início quaresma. É o último dia de extravagância antes de um período de jejum e reflexão que está por vir. Com o Halloween, que é sempre comemorado no dia 31 de outubro, ocorre algo parecido. É que 1° de novembro é o Festa de Todos os Santos. Então, para marcar uma oposição a essa data, surgiu o Halloween (Dia das Bruxas).

A origem do nome

Bom, agora que você já sabe dessa relação, fica fácil entender a origem do nome. Halloween é uma aglutinação de “All hallow’s eve”, que é o mesmo que “Véspera de todos os santos”. Muito interessante, não é mesmo?

O Halloween é uma celebração de origem celta (atua Irlanda) para comemorar o início da colheita. As pessoas vestiam-se com roupas estranhas para assustar os maus espíritos que pudessem atrapalhar a colheita. A tradição foi trazida aos Estados Unidos pela colonização irlandesa e incorporada pelas crianças que, no Halloween batem de porta e porta dando duas opções aos moradores: ou doam doces ou recebem travessuras. Trick or treat?

A abóborahalloween

Mas e como surgiu a história da abóbora decorada e iluminada? Para explicar isso, voltamos a uma lenda celta que conta que o homem chamado Jack bebia no bar quando foi surpreendido pelo demônio, que viera para buscar sua alma. Muito esperto, Jack enganou o demônio convencendo-o que se transformasse em uma moeda para que pudesse saldar a conta no bar. O demônio virou moeda, mas ao invés de pagar a conta com ela, aprisionou o demônio em um crucifixo e, para libertá-lo, firmaram um pacto em que o demônio nunca mais o incomodaria. Trato feito e cumprido.

Acontece que no dia que Jack morreu, chegou ao céu e foi recusado por ter tido um trato com o demônio. Então chegou a porta do inferno e também não foi aceito, uma vez que tinha um trato que dizia que o demônio não poderia importunar. Então ficou solitário e perdido vagando por entre os dois mundos. Ao ver que Jack estava solitário e perdido, o demônio deu-lhe uma abóbora com carvão que lhe serviu de lanterna.

E você, gosta do Halloween? Na Wizard Curitiba celebramos essa festa com muita alegria e diversão todos os anos. É uma maneira de trazer um pouco da cultura americano para nossos alunos. Venha você também fazer curso de inglês com a gente. Temos certeza de que você vai gostar.