Francês da França e do Canadá, há diferença?

Francês: França x Canadá

Será que existe uma diferença significativa entre o francês falado na França e aquele falado no Canadá? Para responder essa questão eu vou fazer uma outra pergunta. Você acha que existe diferença entre o português do Brasil e o português de Portugal? Não só existe, como não é tão simples entender tudo o que um português fala, não é mesmo? Ou seja, há uma diferença bem significativa.Francês na França e no Canadá

Mas afinal, que diferenças são essas e por que elas surgiram? As diferenças acontecem não apenas no sotaque, mas também na pronúncia e no vocabulário. É uma grande ilusão pensar que o francês da França é uma língua única em todos os países que falam francês. Ela tem variações até dentro da própria França, assim como o português tem diferenças dependendo da região do Brasil. O francês falado na Suíça e na Bélgica também são muito diferentes do que é falado na França ou no Canadá, por exemplo.

Fatores históricos

E por que aconteceu essa diferenciação no Canadá? Isso tem muito a ver com a história do país. O Canadá foi colonizado por franceses no século XVI, mas logo no século XVIII os ingleses dominaram boa parte do território e a população de Quebéc ficou isolada. Com essa invasão, os colonos franceses perderam o contato com a França por algumas décadas. É nesse momento que a distância entre o francês e o québécois (como passou a se chamar o francês falado no Quebec) aumentou significativamente.

A presença do inglês

Como você deve saber, o Canadá é um país bilíngue em que se fala o francês e o inglês, dependendo da região. Isso aconteceu por conta da colonização do país, tanto por ingleses como por franceses. E a presença do idioma inglês também foi responsável por fazer o québécois ser tão diferente do francês da França. Apesar de haver uma grande batalha dos francófonos canadenses para defender o francês do inglês, muitas palavras inglesas foram afrancesadas e incorporadas ao vocabulário. Veja alguns exemplos:

  • Caller (do inglês call), pode ser usado no lugar de téléphoner (telefonar);
  • Char (do inglês car) é usado no lugar de voiture (carro);
  • Tanker (do inglês tank) é usado no lugar de remplir le réservoir (abastecer o carro);
  • Tévé, (do inglês TV) no lugar de télé (televisão);
  • Peanut no lugar de cacahuète (amendoim);
  • Kioute, (do inglês cute), no lugar de mignon ou mignonne (bonitinho).

Apesar das diferenças, pode ficar super tranquilo que se você for para o Canadá falando o “francês europeu” que você aprendeu na Wizard Curitiba, eles vão te entender bem direitinho. Com o tempo você vai dominando e léxico do lugar e incorporando as peculiaridades da língua, que é algo tão bonito.